quinta-feira, 7 de abril de 2011

#BullyingNão



           Onde iremos parar se o respeito é cada vez mais ausente nas pessoas,e pior,além de ser crescente é algo que vemos não tendo um freio.Se não houver uma educação para melhor esclarecimentos no que se diz respeito à maus tratos e preconceito com as pessoas,nunca vamos nos ver livres de sequelas graves que mais tarde vão nos dá uma resposta negativa.
           Um exemplo disso,podemos ver na tragédia em que chocou o Brasil,no Rio de Janeiro.Após uma série de reportagens serem manchetes de praticamente todas as mídias,me deparei com uma que traz um relato de um ex colega de classe do Wellington Menezes de Oliveira , de 23 anos,responsável por entrar no colégio Municipal no bairro realengo e disparar tiros nos alunos.Veja aqui a entrevista.
            Se você leu entenderá que o tipo de agressão que ele sofreu no colégio o fez criar essa casca em torno dele,cada vez mais contido e observador,do tipo que guardou rancores o quanto pode e um dia imaginou fazer algo para se livrar desse "complexo" criado por ser vítima de chacotas durante a fase que para toda criança é difícil,a escolar,na qual você lida com outras crianças de todos os tipos de temperamento e elas não medem as palavras e não se dão conta que isso um dia poderá se voltar à elas.Veja bem,não estou aqui defendendo o autor do crime e sim fazendo com que vejamos o quanto é importante dentro das nossas casas repreender qualquer tipo de atitudes parecida vindas dos filhos e demais familiares,tudo começa dentro da sua casa,baseado em qual tipo de educação você dá aos seus filhos!Eu fui vítima de alguns tipos de bullying,desde coleguinhas de classe tirando sarro de mim porque minha casa,o prédio que meu pai construiu para minha família,na qual moro à mais de 18 anos,passou mais ou menos um ano após a construção sem pintura de fachada,e isso era um simples motivo para eu ser alvo de brincadeiras do tipo " olha a casa dele é de pobre! " até mesmo,meu pouco peso," oh magricelo!".minha altura 1.85 e por fim minha orientação sexual.
            Seja um defensor dessa causa,não leve adiante qualquer tipo de recriminação à outra pessoa por sua cor,religião,classe social ,orientação sexual e etc.Seja o que for nós temos que saber conviver com a diversidade,porque ela existe,faz parte e além de ser essencial,cada ser é único,merecedor de respeito como qualquer outra forma de vida existente.Respeito sempre.Até breve!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Topo ▲