sexta-feira, 16 de julho de 2010

Público Gay da Argentina em comemoração?


     Isso mesmo,na madrugada de quinta dia 15,todo público gay de lá ficou eufórico com a notícia positiva após 14 horas de debate no senado da Argentina que os presenteou com a lei que autoriza o matrimônio entre pessoas do mesmo sexo no país(chupa essa Brasiiillll kkkkk)chupaaa!Pois é,primeiro país da América Latina a dár essa oportunidade ao público GLBT os fazendo ter mais esperança de ter uma vida cada vez menos vista de forma estranha por muitos conservadores que na sua grande maioria são mesmo é portadores da hipocresia e preconceito camuflado nos "bons costumes".
      A Argentina mostrou-se bem evoluída em ter essa atitude perante à uma sociedade que crucificou seus senadores dos quais votaram à favor dos gays,fazendo realmente o bem para uma população onde todos esperam melhorias e sempre se favorecer claro,como em todo lugar,só que essa é uma realidade para poucos.Elá é o décimo país no mundo a autorizar casamento entre pessoas do mesmo sexo se juntando a Holanda,Bélgica,Espanha,Canadá,África do Sul,Noruega,Suécia,Portugal e Islândia.Em meio a uma rixa gigantesca que envolve brasileiros e argentinos por questões futebolísticas vinda de heteros não evoluídos,eu fiquei com outra visão em relação à eles,afinal entre o público gay tem muito mais harmonia e uma interação tendo em vista outras razões para se preocupar e tentar levar a vida numa boa na base da união do que procurar motivos banais para haver discórdia.Foi um grande passo para essas questões burocráticas de quem quer ter uma vida à dois e claro terem seus bens deixados para seus respectivos parceiros como também a questão de adoção que claro com a união de várias pessoas em busca da construção de uma família,os passos seguintes são "ter filhos",herdeiros dos quais trazem muita alegria e grande experiência de vida a quem deseja ser pai e dar continuidade à família não com laços de sangue que isso não entra em questão aqui até por motivos óbvios,mais para ensinar e passar adiante toda boa educação e postura que todo ser humano deveria ter de tolerância.Parabéns Argentina por essa iniciativa brilhante,que tantos outros países sigam o exemplo de dar dignidade e igualdade à seu povo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Topo ▲